ÁREA RESTRITA

  • PROFISSIONAIS DA SAÚDE

Cansaço e Fadiga na Doença de Crohn E Retocolite

Compartilhe essa publicação

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
A fadiga pode ter um grande impacto em pessoas com Doença de Crohn e Retocolite Ulcerativa, afetando o trabalho, a vida diária e a qualidade de vida.
A fadiga é um sintoma não específico de várias doenças e distúrbios. Sentir-se cansado simplesmente pode ser o resultado de não dormir o suficiente ou não dormir com qualidade. A fadiga crônica pode levar a uma série de outros problemas, inclusive ao mau desempenho no trabalho e na escola, à condução sonolenta e à depressão. Descobrir que ela é um sintoma de algo errado não é tão difícil, mas determinar o porquê de o paciente estar cansado – e o que fazer sobre isso – não é tarefa fácil.
Além dos efeitos diretos da doença, outros fatores que freqüentemente afetam pessoas com doença de Crohn – dor, ansiedade, depressão, dificuldade para dormir – também contribuem para sentimentos de fadiga.
A fadiga é um sintoma muitas vezes associado com as doenças inflamatórias do intestino (DII). As razões para os pacientes com DII se sentirem cansados incluem efeitos colaterais dos medicamentos, distúrbios do sono e outras condições relacionadas, tais como a anemia.

O que pode ser feito sobre isso? Fadiga é um problema complicado, sem resposta fácil. Aqui estão algumas sugestões:

  • Tente manter a doença bem controlada. Pessoas cuja doença está em remissão têm menos queixas de fadiga. Medicamentos que atacam a inflamação ajudam muitas pessoas a se sentirem melhor, com menos fadiga.
  • Trate a anemia. A anemia é um problema comum entre pessoas com doença de Crohn. Pode contribuir para diminuir a energia, levando a fadiga.
  • Converse com seu médico sobre seus medicamentos. Certos medicamentos usados ​​para tratar a doença de Crohn, como os corticosteróides, podem causar fadiga – diretamente ou interferindo no sono.
  • Procure terapia psicológica. Considere conversar com um psicólogo sobre maneiras de gerenciar a fadiga e outros fatores psicológicos que podem aumentar a fadiga, incluindo estresse, ansiedade e depressão.
  • Para combater a fadiga, também é útil incluir atividade física em sua rotina diária, comer alimentos saudáveis ​​e dormir adequadamente. Certifique-se de compartilhar suas preocupações sobre o cansaço com seu médico para que ele possa ajudar a encontrar maneiras de solucionar esse problema.

E você? Também se sente cansado, fadigado? Conte-nos sua experiência!

Referências:

Compartilhe, você pode ajudar alguém com esta informação!

Visite e curta as redes sociais da ALEMDII: 
Facebook: ALEMDII 
Instagram @ALEMDII 
Twitter: @ALEMDIILesteMG

Importante: Os conteúdos disponíveis neste portal são exclusivamente educacionais e informativos.
Em hipótese nenhuma deve substituir as orientações médicas, a realização de exames e ou, tratamento.
Em caso de dúvida consulte seu médico!
O acesso à informação é um direito de todos.

Compartilhe essa publicação

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Publicações relacionadas

O slide com fundo branco, traz ao centro o desenho de um coração roxo contendo a imagem de várias mulheres jovens e de meia idade (mães ou filhas), algumas portadoras de Doença Inflamatória Intestinal. Logo abaixo o sticker do Maio Roxo. Do lado esquerdo o desenho de um coração menor contendo o texto: “Dia Internacional da Família. Um laço de amor”! Do lado direito duas mãos ofertam bonecos de papel, simbolizando pai, mãe e filho. No rodapé a palavra “realização” seguida dos logos da ALEMDII e Farmale e a palavra “Investidor Social” seguido do logo da Pfizer.

Dia da Família

No dia Internacional da família e considerando que “Família é quem a pessoa diz que é” (Wright & Leahey), resolvemos trazer essa dica para vocês.

Leia mais »

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicações recentes

O slide com fundo branco, traz ao centro o desenho de um coração roxo contendo a imagem de várias mulheres jovens e de meia idade (mães ou filhas), algumas portadoras de Doença Inflamatória Intestinal. Logo abaixo o sticker do Maio Roxo. Do lado esquerdo o desenho de um coração menor contendo o texto: “Dia Internacional da Família. Um laço de amor”! Do lado direito duas mãos ofertam bonecos de papel, simbolizando pai, mãe e filho. No rodapé a palavra “realização” seguida dos logos da ALEMDII e Farmale e a palavra “Investidor Social” seguido do logo da Pfizer.

Dia da Família

No dia Internacional da família e considerando que “Família é quem a pessoa diz que é” (Wright & Leahey), resolvemos trazer essa dica para vocês.

Leia mais »

Área do usuário

Não possui uma conta?
Clique em registrar para se cadastrar.

Assine nossa Newsletter

Não quer perder nada da ALEMDII? Cadastre-se e receba as publicações mais importantes sobre Doença de Crohn e Retocolite Ulcerativa!